Cuidados na Hora de Escolher Assessoria Jurídica para a sua Empresa

Tempo de leitura: 3 minutos

Assessoria jurídica é um tema que deve ser visto com muita atenção. Iniciar um empreendimento envolve muitos riscos, principalmente se considerarmos o atual cenário econômico brasileiro. Assim, pode-se dizer, sem sombra de dúvidas, que planejamento é extremamente necessário para garantir a sobrevivência, bem como o crescimento de sua empresa.

Por isso, é importante repetir que o maior equívoco dos empresários é procurar uma assessoria jurídica apenas após a ocorrência de um problema. Afinal, o empresário que não possui uma assessoria jurídica não acompanha a agilidade das alterações legais, o que acaba por impactar futuramente no crescimento e faturamento da empresa.

Mas, por outro lado, é essencial se atentar para alguns fatos ao escolher a assessoria jurídica de sua empresa. Quer saber quais? Explicamos a seguir:

Assessoria jurídica como prevenção de problemas

A explicação para isso é bem simples. Analisar profundamente todos os aspectos do empreendimento, antecipar-se aos problemas e obter o máximo de informações sobre o mesmo, proporcionam confiança e segurança nas tomadas de decisões importantes. Evitando assim, que o empresário cometa erros que comprometam sua gestão. Estar bem assessorado significa estar sempre à frente da concorrência!

Com isso em mente, os empresários com uma ampla visão de mercado e focados no crescimento de sua empresa, perceberam que assessorados juridicamente possuem tranquilidade para simplesmente gerirem a empresa, seja ao negociarem contratos, lançarem novos produto e serviços no mercado, contratarem ou demitirem empregados, ampliarem a empresa, entre outros.

Cuidado com os “conhecidos”

É comum que o empresário, ao contratar alguém que confia, pense, em primeiro lugar, em um antigo colega, amigo ou parente. No entanto, é imprescindível que tal preferência seja dada a um profissional experiente que conheça bem a legislação para o tipo específico de seu negócio. Afinal, não de nada adianta contratar um advogado trabalhista se sua empresa está em fase de estruturação societária, por exemplo.

Grandes escritórios nem sempre são as melhores opções

Uma outra questão a ser analisada é que nem sempre os grandes escritórios são a melhor opção para os empresários iniciantes. O motivo é que cobram honorários elevados, e nem sempre pode-se contar com os melhores profissionais dedicados à sua empresa.

Na maioria das vezes, escritórios mais enxutos e especializados oferecem melhor preço, serviço personalizado e contam, ainda, com a experiência de profissionais tão ou mais qualificados quanto os de firmas maiores.

Tipo de cobrança

Além disso, vale dizer que assessorias jurídicas podem ser cobradas de inúmeras maneiras, incluindo honorários fixos mensais, por hora ou por representação judicial da empresa. Por isso, é importante que a forma de pagamento seja bem definida desde o início, assim como o tempo de assessoria e eventuais encargos adicionais, e, claro, que o empresário conheça bem tudo o que foi acordado.

Com todas essas informações em mãos, você já consegue imaginar qual o tipo de escritório de consultoria jurídica é mais adequado ao seu negócio? Não deixe para decidir quando problema já estiver acontecendo. Fale agora mesmo com um consultor do Faria, Cendão & Maia Advogados e marque uma primeira reunião gratuitamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *