Private Equity: O que é e como Isso ajuda sua empresa a crescer?

Tempo de leitura: 4 minutos

O Private Equity, ou numa tradução livre “Ativo Privado”, é uma modalidade de fundo de investimento que surgiu nos EUA nos anos 80, porém somente nos últimos anos se tornou mais popular aqui no Brasil.

De forma simplificada, o Private Equity consiste na compra de uma parte de uma empresa em crescimento com o intuito de valorizá-la e depois faturar com venda das ações.

Nos últimos anos, os fundos de private equity têm procurado empresas de médio porte e com grande potencial de crescimento para investir.

Por conta disso, muitas empresas começaram a se moldar para poderem se adequar ao perfil desejado dessas empresas de private equity.

Para facilitar o entendimento de como funciona essa modalidade de fundos de investimento, este artigo foi criado.

Neste artigo, você vai entender:

  • O que é e como funciona o Private Equity
  • Private Equity x Venture Capital
  • Como sua empresa pode se beneficiar com isso?
  • Cuidados ao considerar o Private Equity para sua empresa

Quer entender como os fundos de PE podem ajudar a sua empresa a crescer e faturar mais? Então continue a leitura logo abaixo.

O que é e como funciona o Private Equity

Como explicado acima, o Private Equity é uma modalidade de fundos de investimento em que uma empresa gestora – uma empresa que detém os investimentos – compra uma participação de uma determinada empresa, se tornando um sócio, a fim de alavancar os resultados e aumentar o valor dessa empresa.

O objetivo das empresas investidoras é de potencializar e acelerar o crescimento da empresa que recebeu o investimento para que elas se tornem mais valiosas no mercado.

Normalmente, quando a empresa chega a um nível de valorização ideal, o investidor vende sua parte do negócio com lucros muito maiores que foram investidos.

É importante citar que o investidor pode ter participação ativa na administração da empresa, fornecendo estrutura, know-how e todo o necessário para que a empresa que recebeu o investimento cresça.

Private Equity x Venture Capital

Muito confundidos com o Private Equity, o Venture Capital funciona basicamente da mesma forma. Porém, estes são destinados a empresas no início de suas operações, como as Startups.

Os Fundos de Private Equity são voltados para médias empresas com grande potencial de crescimento e valorização.

As empresas de investimentos vão em buscas dessas empresas que já tenham um faturamento constante e já sejam estabelecidas no mercado.

Em prática, se sua empresa ainda for uma Startup, procurar por empresas que possuam modalidade de investimento de Venture Capital pode ser uma boa opção para um crescimento inicial acelerado.

Como sua empresa pode se beneficiar com isso?

Para uma empresa que está recebendo investimentos provenientes de Investidores ou Fundos de Private Equity ou um Venture Capital, muitas são as vantagens.

Como mencionado acima, a empresa que está investindo colabora com mais que somente capital. Entre os ganhos para o empreendedor e seu negócio podemos citar:

  • Novos conhecimentos, recursos e treinamentos visando o crescimento da empresa;
  • Profissionalização e aprimoramento da equipe;
  • Melhoria de credibilidade da empresa e imagem institucional;
  • Qualificação da empresa, tornando-a competitiva no mercado;
  • Melhoria na qualidade da gestão, uma vez que os gestores da investidora poderão fazer parte do quadro administrativo.

Com essas vantagens, o crescimento da sua empresa pode ser acelerado e também a sua valorização.

Com a presença de um novo sócio mais experiente em negócios, novas visões e um know-how podem ser grandes agregadores de valores para o empreendedor e seu negócio.

Cuidados ao Considerar o Private Equity para sua empresa

Antes de procurar um investimento Private Equity é necessário que empreendedor esteja ciente das suas especificidades e que isso esteja alinhado com a visão que tem para seu negócio.

Três perguntas que devem ser respondidas antes de tomar a decisão:

  • “É objetivo meu ou da empresa de crescer de forma potencializada em pouco tempo?”
  • “Tenho interesse de vender parte da minha empresa para um investidor que possivelmente irá vender suas ações no futuro?”
  • “Preciso deste investimento?”

Se as respostas forem sim, então um investimento de Private Equity pode ser uma solução interessante para sua empresa.

No entanto, para que a parceria seja saudável, é importante a presença de contratos para firmar o entendimento entre ambas as partes. O memorando de entendimentos pode ser uma excelente ferramenta para isso.

Além disso, é mais que recomendada a consultoria jurídica antes de tomar essa decisão. Diversos fatores podem acabar colocando sua empresa em risco se um advogado não participar do processo todo.

Já citamos em outros artigos a importância da assessoria jurídica na elaboração e revisão de contratos e documentos jurídicos. A Captação de Recursos de Private Equity não é exceção.

Abrir as portas da sua empresa para o Private Equity pode ser o passo que faltava para seu negócio se tornar cada vez mais lucrativo. Mas é necessário que esse passo seja feito com cautela e segurança.

Curtiu este artigo? Então compartilhe nas suas redes sociais para ajudar a espalhar conhecimento com outros empreendedores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *