iFood recebe aprovação para uso de drones em entregas

Tempo de leitura: 1 minuto

Recentemente, o iFood recebeu a aprovação da Anac (Agência Nacional de Aviação) para para iniciar as entregas de seus parceiros comerciais por meio de drones. Tivemos a oportunidade de comentar esta novidade no papo de mercado promovido pelo FCMLaw com o Daniel Bandeira, CFO da Skydrones.

Conversamos sobre o uso profissional de drones no mercado brasileiro, que poderia ser utilizado tanto no setor agrícola, como de saúde pública, segurança, imobiliário, e também no e-commerce, uma vez que temos enfrentado sérios gargalos logísticos na entrega dos produtos.

Em linhas gerais, para uma empresa utilizar os drones como meio de entrega, ela precisa ter um drone homologado pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), com autorização da Anac, identificação do piloto na SARPAS, que é um Sistema de Solicitação de Acesso ao Espaço Aéreo por RPAS (remotely piloted aircraft systems), com o objetivo de obter uma solicitação de voo para decolar sem maiores transtornos.

O iFood, ao obter a autorização da Anac, deu um passo muito importante para ser pioneiro nesse novo mercado de delivery por drones. Nesta primeira etapa, os testes de voo acontecerão na primeira parte da entrega do produto, que será finalizada por um entregador nos moldes tradicionais.

A ideia é implementar essa novidade em alguns Hubs estratégicos, como o Shopping Iguatemi de Campinas e um centro condominial próximo da região, visando desenvolver um projeto sustentável, seguro e eficiente junto aos parceiros e clientes.

E aí, o que você acha sobre isso? Será que a pizza vai chegar mais quentinha?
Comente aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *